domingo, 20 de julho de 2014

ANIVERSÁRIO CONGREGAÇÃO CENTRO COMUNITÁRIO

Ministério Nova Aliança.
            Neste Domingo aconteceu o Aniversário de um 1 ano da nossa congregação no Centro Comunitário Metodista, o Louvor da noite foi ministrado  pelo Ministério Nova Aliança da Igreja Batista, dando continuidade ao momento de louvor  irmão Geraldo entoou um hino de louvor a Deus, nossos jovens também louvaram a Deus com teatro impactante.
Irmão Geraldo Louvando ao Senhor.
            Em seguida alguns irmãos da congregação puderam testemunhar os grandes feitos que o Senhor realizou em suas vidas durante esse um ano. A palavra da noite foi ministrada pelo Rev.Deonísio, baseado no texto bíblico que está no Salmo 100, pastor diz que Ter um coração agradecido é fundamental na vida do crente, a bíblia diz Celebrai com jubilo todos os moradores da terra, isso é uma ordem do Senhor.
            O Senhor nos diz que se fomos tirados da escravidão se temos prosperado é porque ele nos ajudou, existem muitas pessoas que esquecem o que receberam das pessoas e de Deus. O Senhor esta dizendo a congregação vocês estão celebrando o 1º ano mais não se esqueçam de quem trabalhou e cuidou de você.
Congregação Louvando.
            Ao final Pastor Deonísio passou um slide lembrando a todos como começou o centro comunitário, devemos ser agradecidos por tudo que Deus fez até aqui. A melhor maneira de agradecer a Deus é falar bem das coisas que ele faz e do seu nome.

PARABÉNS CONGREGAÇAO!!!

Crislaine Fischer




Culto de Louvor e Adoração



Seminarista Maria Margarida


   No Culto de Louvor e Adoração deste domingo, 20, após momento litúrgico, conduzido pela seminarista Maria Margarida, filha desta igreja, mas residente e estudante na capital Porto Velho, e momento de Louvor, Rev. Cidelci – pastor em Rio Branco/AC – trouxe um mensagem à igreja Metodista em Vilhena a partir de Tessalonicenses 1:2-10.
     Após elucidar o texto, pastor Cidelci frisa as características da igreja em Tessalonicas, que faziam a diferença para Deus. Era uma igreja que sabia dar Graças a Deus; A Fé e comunhão também eram presente no meio povo; era uma igreja que se reunia para orar e adorar a Deus. Então Paulo escreve a carta para elogiar essa; o Amor a Deus e aos irmãos também era vivido pelos irmãos tessalônicos.
Neste contexto, reverendo lembrou que Deus não se alegra de boas intenções, mas Deus se alegra de boas atitudes. Pastor continuou afirmando que, atualmente, as pessoas pensam somente e si mesmas e não se preocupam com o corpo de Cristo.
    Muitas pessoas, no meio da caminhada, desanimam. Desanimam de ir à igreja, de ir à célula, de participar das atividades congregacionais. Mas não se pode esquecer que temos a liberdade de Adorar a Deus, enquanto em muitos lugares do planeta, isso é totalmente proibido.
    Deus é a esperança, pois a nossa esperança é espiritual, está alicerçada na eternidade em que Cristo nos promete. Nesse âmbito, pastor Cidelci que muitos desistem de Deus, porque não foram realizadas financeiramente, ou em algo em que queriam muito, resolvem se distanciar do Pai, se esquecendo da certeza da Salvação.
Rev. Cidelci
    A esperança do crente não está nesta Terra, está em Deus e na eternidade que viveremos ao lado de Dele. Para crescermos em quantidade e em qualidade, para que a igreja e o corpo de Cristo cresçam, é preciso de ações, de atitudes.
    O crente deve dar bons testemunhos para que possa alcançar vidas. O apóstolo Paulo dizia: “sede meus imitadores, assim como eu sou de Cristo”. Não podemos deixar qualquer atribulação nos impedir de servir a Deus. Paulo via nas provações, motivação para servir a Deus, pois sua fé estava alicerçada em Deus.
    A igreja de Tessalonicenses era modelo na época de Paulo. E esta igreja, a Igreja Metodista em Vilhena é conhecida em todo o Estado de Rondônia, em toda a REMA – Região Missionária da Amazônia, em todo o país e no mundo, esta igreja é modelo e referência para as outras.
    Existem irmãos que acreditam que, por participar de todos os cultos e as atividades da igreja estão salvos. Mas Deus se alegre por vidas, por almas. Há irmãos que estão na igreja há vários anos e não trouxe uma vida a Cristo, outros se defendem afirmando que trouxe muitas pessoas, mas ninguém permaneceu. Outros dizem não terem tempo de discipular, de abrir uma célula... Para Deus, tudo isso são desculpas, e Ele não está interessado em desculpas, Ele está interessado em vidas. Aquele que é salvo tem amor por vidas e gera FRUTOS.
    Uma das maneiras mais eficazes de gerar fruto é através da célula. Esta igreja é exemplo em sociedades, unilão, quantidade de membros... Mas Deus tem chamado esta igreja para ser exemplo em discipulado. 

PATRÍCIA MAGALHÃES




domingo, 13 de julho de 2014

CULTO DE DOMINGO


Rev. Fábio
Rev. Fábio trouxe uma meditação neste domingo, 13, em Lucas 18:10-4 com tema “Espiritualidade que agrada a Deus”.
Aquilo que estou desenvolvendo agrada ao Senhor?
Sempre tentamos ver no outro um pecado tão grande que acabamos não vendo nosso próprio pecado.
Simplesmente pelo fato de irmos à igreja nos rotulamos como cristãos, e muitas vezes não é o que acontece, não vivemos o cristianismo.
Que tipo de espiritualidade Deus quer? Devemos entender o que é graça de Deus.
O texto nos traz duas espiritualidades e apenas um significado.

Denny e Rafaela orando pelos irmãos Antonio e Dilma.
Faiseus: (“Separados”, santos)
-Manipulavam a lei a seu favor;
-Buscavam honra para si próprios
-Praticavam apenas pureza exterior
-Apego material
-Justificado pelas obras
-Espiritualidade que não gera mudança nenhuma
-Hipócritas: “dizem e não praticam... Põem fardos pesados sobre os ombros dos homens, mas não querem movê-los.” (Mt 23:3)
Peça de teatro apresentada pelos jovens.
“Precisamos viver uma espiritualidade que muda o rumo das coisas”

-Morávios – Grande movimento de avivamento depois de pentecostes. Se consideravam tão “santos” que se afastaram da sociedade. Perderam a visão da santidade
-Puritanos – Queriam ser “puros”, “santos”, “lutar conta o pecado”. Se viam como santos que não viam pecado em si mesmo e começaram a ver pecado nas outras pessoas.
-Quakers – Religiosos, “amigos da verdade”, diziam que não precisavam de Igreja.
Todos desviaram o foco, deixaram de buscar santidade.

Principal crítica de Jesus aos fariseus porque eram contra o perdão de pecados.

Publicanos:
  -Cobradores de impostos;
-Traidores, ladrões, repugnantes ao povo…;
-Levi e Zaqueu.
Tão pecadores quanto aos Fariseus, mas manifesta arrependimento.

Teatro apresentado pelos Jovens.
A parábola fala de dois pecadores na igreja. Não é “tamanho” do pecado que os afasta de Deus

Diferença:
Fariseu, de pé, não se curvava ao Senhor.                         Publicano, de longe, reconhece que não merece a atenção de Deus.

“A espiritualidade que agrada a Deus é a que se humilha e se reconhece como pecador”.


Lucas Cachone

sexta-feira, 11 de julho de 2014

Encerramento do Curso de Gestante 2014


Futuras Mamães

        Nesta sexta, 11, ocorreu o encerramento de mais um Curso de Gestante. Cerca de 18 gestantes participaram do momento que foi regado com muita alegria e descontração. Participaram junto, alguns futuros papais e demais familiares das gestantes.
    As Crianças do Projeto Sombra e Água Fresca – SAF – fizeram uma belíssima apresentação de balet, deixando todas as futuras mamães emocionadas. Na sequência, as gestantes receberam o enxoval confeccionado durante o curso e o momento foi encerrado com um delicioso lanche.
PATRÍCIA MAGALHÃES

domingo, 6 de julho de 2014

Culto de Louvor e Adoração

Pastor Deonísio, Irmão Francisco e Creuza.

No Culto de Louvor e Adoração deste domingo, 6, após momento de Louvor e adoração, os pais Francisco e Creuza apresentaram à congregação seu bebê Joaquim, que nasceu neste mês. Na sequencia, as irmãs Luzia e Maria entoaram o Hino “Fidelidade” em Louvor a Deus. Logo depois, Revº Deonisio ministrou a partir de Isaias 60:1-2.




Congregação.

Levante-se, refulja!
Porque chegou a sua luz,
e a glória do Senhor raia sobre você.
Olhe! A escuridão cobre a terra,
densas trevas envolvem os povos,
mas sobre você raia o Senhor,
e sobre você se vê a sua glória.


Ministração da Ceia


De acordo com a Bíblia, o povo de Israel, o povo de Deus, estava passando por grande sofrimento, pois, estava sendo massacrado por um terrível rei, não prosperava, Deus há tempos não falava com ele. Nesse tempo, Deus levantou o profeta Isaias para levar uma mensagem de ânimo para Seu povo. A função do profeta era dizer para o povo: LEVANTA-TE
Neste contexto, pastor levou a igreja ao confronto de como tem passado, como está vivendo. 


Irmãos que estão estudando fora da cidade.
Deus não chamou Seu povo para ficar prostrado, levar uma vida medíocre, de miséria. Deus ordena ao Seu povo nesta noite que se levante, que lance por terra o sentimento de fracasso, de derrota. Deus tem chamado seu povo a se levantar, lutar contra a fraqueza e a derrota. Deus também tem chamado Seu povo a resplandescer, para brilhar.
Logo após momento da palavra, Reverendo ministrou a Ceia do Senhor. Em seguida nossos irmãos que estão fora da cidade estudando puderam saudar a igreja e também testemunhar os feitos do Senhor em suas vidas.



PATRÍCIA MAGALHÃES

sábado, 5 de julho de 2014

ENCONTRO DE MULHERES EM CASCALHEIRAS.

No último dia 05 de Julho, aconteceu em Cascalheiras o Encontro Distrital de Mulheres do NEM, estavam presentes mulheres das cidades de Vilhena, Cabixi, Cerejeiras e Cascalheiras. O Encontro teve inicio às 10:00 horas da manhã, na abertura irmã Vasti leu o Salmo 94, em seguida o louvor foi dirigido pelo irmão Sérgio onde todos puderam louvar e adorar a Deus.
A palavra da manhã foi trazida pela Pastora Marinice de Cabixi, com base no texto de I Samuel 1. 1 ao 20 pastora trouxe uma reflexão as mulheres sobre a Oração de Ana destacando quatro características que a oração realizada por Ana tinha as quais nós também devemos nos espelhar.
1º - Foi uma oração de entrega total ao Senhor.
2º - Foi uma oração baseada no compromisso.
3º - Foi uma oração focada em Deus e não no homem.
4º - Foi uma oração que gerou paz.


Logo após a palavra foi servido um almoço delicioso preparado pelas irmãs de cascalheiras, na parte da tarde algumas mulheres testemunharam os grandes feitos que o Senhor tem realizado em suas vidas, em seguida Pastor Deonisio encerrou o encontro trazendo uma palavra de ânimo e dirigindo um momento de oração fervoroso. Ao final todas puderam se abraçar e saborear um delicioso lanche e retornando em seguida as suas cidades.

Crislaine Fischer

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Discipulado de Mulheres


Sociedade Metodista de Mulheres
     Após momento de louvor, Rev. Deonisio ministrou às mulheres a partir do texto bíblico de Gen. 26:12-34, neste contexto, pastor explicou do que tratava o texto e levou às mulheres presentes a trazerem as situações daquele contexto para os dias de hoje.
    Isaque era muito abençoado por Deus e financeira, pois havia recebido a herança de seu pai Abraão. No entanto, ali na região onde habitava, estava com muita escassez de água. Os Filisteus, na época, haviam sido possuídos pelos demônios morfeu, que leva à inveja, então, começaram a perseguir Isaque, e em todo lugar que ele furava um poço, os filisteus destruíam o poço. Mas Isaque não desistiu, e Deus o abençoou.
    Nos nossos dias, existem muitos “filisteus” que nos perseguem. No nosso trabalho, no nosso ministério, nas nossas casas, no meio de nossa família, vizinhos... A inveja é algo que persegue muitos de nós. Ao nosso redor, existem muitos “desentupidores de poço”, que devido à inveja, se deixam ser usados por satanás.
      Nesse âmbito, devemos nos avaliar: será que existe alguém ou algo que tem "entupido nosso poço", ou ainda, será que nós não estamos "entupindo o poço" de alguém?
       Isaque sempre prosperava, pois sempre estava ao lado de um poço de água cristalina, e conosco, também não é diferente, devemos sempre estar perto daquele que tem água viva para nos oferecer, nosso Jesus Cristo.
PATRÍCIA MAGALHÃES

Postagens populares