domingo, 15 de fevereiro de 2015

CULTO DE LOUVOR A DEUS E CONSAGRAÇÃO DE OBREIROS

Igreja
O culto deste domingo, 15, foi um momento de grande festa pois o Senhor tem levantado e capacitado obreiros para sua obra.

Tivemos dois momentos marcantes na vida da igreja. O primeiro momento foi o de consagração e envio do Ev. Sérgio Antônio de Freitas e família que estarão a frente dos trabalhos em nossa congregação na cidade de Cerejeiras/RO e o segundo momento foi, também, de consagração de nosso Ev. José Arnaldo Elias como M.D. (Missionário Designado) para atuar nos trabalhos em nossa congregação no setor industrial, VIlhena/RO.

Consagração M.D Arnaldo
A mensagem ficou a cargo do M.D. Arnaldo que iniciou testemunhando sobre as maravilhas que Deus tem feito em sua vida a partir de que se dispôs a servi-lo e o obedecê-lo e também testemunhou sobre sua conversão e seu chamado para o ministério. Contou que nossas vidas são como ciclos, sempre termina um e começa outro. A cada passo dado na presença de Deus novos ciclos se abrem.

Texto base: Marcos 11:1-11

Jesus caminha com os 12 discípulos e Jesus manda buscar o jumentinho e orienta: -Vocês vão buscar e se alguém perguntar fala que o Mestre vai precisar e já devolve. Eles trazem o jumentinho.
Consagração Ev. Sérgio e Família
Esse jumento nunca havia sido montado, ou seja, era bravo, mas Deus já havia o preparado, Jesus montou e andou no jumento.
O Jumento significa serviço. Se Jesus tivesse usado um cavalo, na época, significaria guerra.
Zacarias 9:9-10 - Tudo estava preparado.
M.D. Arnaldo conta que quando foi desafiado ao ministério pastoral, logo aceitou pois sabia que Deus já havia preparado esse momento.

"Se Deus está levantando obreiros é porque Deus já os preparou!"
"Coloque sua vida nas mãos de Deus!"

Se Jesus tivesse ido a cavalo, provavelmente os romanos o eliminariam, mas Jesus faz o que Deus havia previsto. Queremos um Jesus poderoso! mas Ele tem que cumprir o que Deus quer. Viva um evangelho simples. Deus faz maravilhas quando nos colocamos a seu dispor.
MD. Arnaldo.
Devemos viver a verdade, de verdade! Muitas vezes queremos viver a verdade de qualquer jeito, mas Deus nos chama e devemos buscá-lo, perseverar, mantenha seus olhos em Cristo.
Era domingo de ramos, Jesus já sabia o que iria passar na cruz. Iria se cumprir o que Deus havia anunciado.
Vivemos dias em que, por poucas coisas,  viramos as costas para Jesus. O mesmo povo que aplaudiu e estendeu mantos para que Ele passasse, gritou: Crucifica-o!
Vamos viver o evangelho verdadeiro, buscar a essência da Palavra. Quando vemos os resultados, nossos corações se enchem de alegria, e não podemos nos esquecer de agradecer a Deus.
Viva Jesus de verdade! Tenha intimidade com Ele. Ele quer te ouvir. Deixe que Ele abra um novo ciclo em sua vida, coloque-se diante D'Ele. Se você se colocar na presença de Jesus, Ele mudará sua vida.
Deus está pronto para abrir um novo ciclo em sua vida! Só depende de você.

Texto: Lucas Cachone

Fotos: Patrícia Magalhães

domingo, 8 de fevereiro de 2015

Culto de Louvor e Adoração


Momento de Louvor e Adoração
No Culto deste domingo, 8, após momento litúrgico, Rev.º Deonisio ministrou à igreja a partir do texto bíblico de marcos 6:30-44.
Quando Deus projeta, sonha e cria o homem, ou seja, quando Ele chama alguém, primeiro Ele tira algumas coisas deste homem para depois acrescentar o Projeto Missionário do qual tem sonhado. O sonho de Deus é encher a terra de glória, por isso, Jesus foi enviado para salvação de seu povo.
Deus não tem plano B. Seu projeto para nossas vidas é que cresçamos, multipliquemos e dominar a terra. Temos que ansiar por vidas, temos que nos deixar ser usados por Deus e levar i evangelho do amor aos perdidos.
Quando nos colocamos a disposição de Deus a multiplicação acontece, assim como Jesus multiplicou aqueles cinco pães e dois peixinhos. Aquele menino se colocou a disposição do Senhor e houve a multiplicação e cinco mil homens, mais as mulheres e crianças foram alimentados.
Deus gosta de multidão, gosta de se manifestar em meio a muitas pessoas. Nós também precisamos gostar de multidão, no entanto, precisamos saber como lidar com ela. Todos que aceitaram Jesus têm o compromisso de apresentar Jesus para aqueles que ainda não O conhecem.
Congregação Metodista
Nesse Contexto, a melhor maneira que temos para ganhar vidas pra Jesus e apresentando um bom testemunho, devemos ser exemplo. Fora do mundo cristão, existem milhares de “ovelhas” perdidas, sem pastor. 

E nós, enquanto filhos de Deus, temos obrigação de contribuir com a obra do Senhor.


PATRÍCIA MAGALHÃES

domingo, 25 de janeiro de 2015

CULTO DE LOUVOR E ADORAÇÃO

            Neste Domingo, 25, após um momento de louvor e Adoração ministrado pela Irmã Patrícia Sales juntamente com o ministério de louvor,  Rev. Augusto, Pastor da Igreja Mutirão em Manaus trouxe uma palavra a igreja. Antes de pregar Pastor Augusto testemunhou o milagre de Deus que é a vida de seu filho Hudson, Pastor também agradeceu as orações dos irmãos que clamaram e Deus atendeu e livrou a vida do seu filho.
            Pastor também testemunhou as bênçãos que Deus tem feito na igreja do mutirão e também no barco hospital lugar que trata não só da cura do corpo mais também trata as moléstias do ser humano, cuida da alma das pessoas.
            Em seguida Pastor trouxe a mensagem a igreja a partir do texto de Isaias 63:16, pastor diz que nos nossos dias quando pensamos em abrir uma empresa pensamos em muitas coisas como pessoas capacitadas, disponíveis, que tenham inúmeras habilidades.
             No reino de Deus não há acepções olhamos para os nossos irmãos e pensamos o que Deus viu neles, passamos nos olhos nas pessoas como escâneres e só vemos os defeitos, mais Deus nos olha com outros olhos e mesmo com nossos defeitos ele nos escolheu.
            Deus é nosso Pai e a experiência de pai é algo exclusivo de Deus, pai é protetor esse é o desafio de ser pai. O pai não esta preocupado com as coisas erradas que fazemos a primeira preocupação de Deus é mostrar que ele nos ama, e isso não se pode explicar de nenhuma forma.
            Quando o profeta fala que “Ele é o nosso pai” é para que entendamos que ele esta nos cercando de todos os lados. Em Êxodo Deus diz para Moisés “Pare de sentir esse medo” e assim é conosco se o Pai esta conosco não podemos ter medo do que vai se levantar contra nós. Quando temos medo e fugimos da presença de Deus nos caímos na presença e na mão do Diabo. A Palavra de Deus diz que devemos estar debaixo da potente mão de Deus.
            Em 1º Samuel 16:6 temos a figura de Davi, naquela época o sacerdote não visitava ninguém ele ficava no templo, pois ele era intocável, mais Deus manda Samuel sair do templo e ir a casa de Jessé, lá Samuel é muito bem tratado já estava perto da hora do almoço.
            Então Jesse traz os filhos e conforme eles passam Samuel ora e não é nenhum deles, mais faltava Davi o pai Jesse tinha vergonha do filho, pois ele não era bonito como os outros, nem para o almoço Davi foi chamado. Então o sacerdote manda chama Davi quando ele entra a bíblia diz que ele não era bonito, mas Deus diz a Samuel para que ele não atente para aparência, pois Deus estava preocupado com que estava no coração de Davi.
            Quando Deus nos escolhe não importa como somos, nossa aparência, nossas habilidades, não é pelo jeito que falamos ou como nos portamos, mais o nosso coração a nossa alma interessa ao Senhor. “O nosso Pai é grande ele bate em qualquer coisa, em qualquer problema”.
            Ao Final do Culto Rev. Fábio convidou a todos os presentes a levantarem uma oferta aos Missionários na ocasião representados pelo Pastor Augusto e também pelo Missionário Fábio Almeida que foi recentemente nomeado pelo Bispo Carlos para pastorear a Igreja de Santa Etelvina em Manaus.

            Na oportunidade Pastor Fábio juntamente com Pastor Augusto fizeram o envio de nosso irmão Fábio sua esposa Dayane e se filho para a cidade de Manaus. A igreja também pode abraçar e se despedir do irmão e sua família que são queridos por todos.

Crislaine Fischer

domingo, 18 de janeiro de 2015

CULTO DE LOUVOR E ADORAÇÃO



Rev. Fábio
Neste Domingo, 18, após um período de Louvor e adoração a Deus, Rev. Fábio trouxe uma mensagem à igreja baseado no texto de Números 11. 1 ao 5 intitulada “De Vota ao Egito ou rumo a Canaã. Qual teu destino?
            Pastor introduziu a mensagem dizendo a igreja que este ano de 2015 Deus tem coisas muito grandes para nossas vidas, e é Deus quem tem revelado na sua palavra que isso vai acontecer.
            Mas quando sabemos que alguma coisa grande vai acontecer é parte do ser humano entrar em crise e pensa em retroceder, ou seja, voltar a traz.
            E isso é o que estava acontecendo com o povo de Israel, eles olhavam para traz e ali estava o Egito lugar onde eles sofreram muito, mais a sua frente estava Canaã um lugar preparado por Deus para eles. Essa Canaã significa para nós produção.
Irmã Maria Louvando ao Senhor
            Mas quando aquele povo começa a passar por dificuldades eles pensam em voltar para traz, sentem falta das coisas que eles tinham lá, o medo de ir para algo grande faz com que eles pensem em voltar para traz.
            Assim é conosco às vezes estamos muitos anos na igreja indo rumo a Canaã Celestial mais quando passamos por dificuldades pensamos em voltar a traz.
            O texto também traz no papel do alho e da cebola, ou seja, algo que eles sentiam falta.

1. Egito: Retroceder jamais

Cebolas e Alhos: Apego ao passado
Eram libertos os corpos mais faltava à mente e o coração.

2. Manter o Foco: Canaã - Sonho de Deus

3. O deserto não é uma Opção
O povo começa a andar em círculo até morrer um a um no deserto.

Momento da Ceia do Senhor
            Isso se remete a nossa vida da onde saímos, onde estamos e para onde queremos ir. A posição da neutralidade não é o propósito de Deus, o nosso foco é Canaã é lá que Deus tem propósito pra nós.



O Sonho de Deus é o teu Destino!

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

12º Dia da Campanha dos Doze dias para Doze meses

Tema: “RESTAURANDO FAMÍLIAS”

Texto base: Lucas 19:1-10

Nesta segunda, 12, último dia da Campanha de oração, Evangelista Roves ministrou sobre a importância de clamarmos pela salvação das nossas famílias. Se abrirmos brechas, se baixarmos a guarda, satanás entra e destrói nossa casa. Para que isso não ocorra, precisamos deixar Deus trabalhar nas nossas vidas. Não podemos, jamais, nos esquecer ou deixar de orar por nossas famílias e parentes.
Zaqueu era publicano, cobrador de impostos, corrupto, fraudulento, no entanto, Deus tinha um plano na sua vida. Conosco também é assim. Deus tem um plano para cada um de nós, basta que O deixemos adentrar em nossa casa, em nossa família.
O plano do Senhor é salvar todas as famílias, inclusive a nossa.

PATRÍCIA MAGALHÃES


domingo, 11 de janeiro de 2015

11º Dia da Campanha dos Doze dias para Doze meses

Tema: Minha Casa um lugar de milagres

Texto base: Lucas 4: 38-39
Irmã Marli

Para sermos curados, é necessário estarmos posicionados duma forma que Jesus se incline para nós. Jesus precisa ser convidado para entrar na nossa, então, a partir daí Ele fará parte da nossa vida e retirará tudo que precisa ser retirado para que sejamos curados, para que no nosso lar existam milagres.
Muitas vezes nós, assim como a mãe de Pedro, estamos desanimados, com febre, a febre da falta de buscar o Senhor, de orar, de clamar, de servir, pois quando a pessoa está febril, ela não tem força pra nada, não tem nem apetite. No âmbito espiritual, a febre deixa a pessoa sem fome da palavra de Deus.
Quando somos curados por Jesus, devemos passar a servi-lo em sinal de gratidão. O desejo de servir o Senhor deve sempre existir em nosso coração, seguir o Pai, assim Deus nos honrará. Assim, nossa casa, nossa vida, será um lugar de milagres.
Precisamos deixar Jesus entrar na nossa casa, adentrar os cômodos... Devemos dar liberdade para que Jesus Se incline para nós e nos entregue Seus milagres.

PATRÍCIA MAGALHÃES

sábado, 10 de janeiro de 2015

10º Dia da Campanha dos Doze dias para Doze meses

Tema: SUPERAÇÃO

Texto base: Apocalipse 5:1-5
Irmã Daiane

Na noite deste sábado, décimo dia da campanha, irmã Daiane ministrou à igreja sobre superação. Jesus foi o nosso maior exemplo de superação a ser seguido. Jesus, o filho de Deus, a raiz de Davi venceu e é Digno de abrir o livro e quebrar os sete selos. Jesus deixou Sua Glória e escolheu nos amar. Se esvaziou de Si, foi humilhado, ferido, sua nudez foi exposta e ele pagou o preço por nós. Venceu a more e pediu ao Pai que enviasse o Consolador, o Espírito Santo.

Jesus teve que enfrentar muitas superações:
·         Familiares: nem seus próprios irmãos criam Nele;
·         Políticas: O Rei Herodes mandou matar todas as crianças abaixo de dois anos com intuito de matar Jesus.

Já nós, não devemos deixar que as dificuldades nos afastem dos propósitos de Deus. Devemos buscar Superação em Cristo, e para isso, não podemos nos afastar do pai, sempre estarmos em busca do primeiro amor e sermos cheios do Espírito Santo. Devemos nos posicionar enquanto guerreiros, soldados de Cristo que é o nosso General.

Virtudes de Jesus que caracterizam o guerreiro:
·         Garra, Fugir da inconstância, ter foco;
·         Se dispuser ao Senhor, encarar o desafio, não se omitir;
·         Ser ousado, lutar pelos sonhos;
·         Lutar espiritualmente, pois nossa luta não é contra carne nem sangue, mas contra principados e potestades;
·         Jamais esmorecer.

PATRÍCIA MAGALHÃES 

sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

9º Dia da Campanha de Doze dias para Doze meses

Tema: “TEMPO DE FARTURA”

Texto base: Deuteronômio 33:28
Irmão Júlio

Nesta sexta, 9, Irmão Julio foi que trouxe a palavra e ministrou a respeito de que é chegada a hora da fartura, mas para isso, e precisamos permanecer firmados na verdade, ou seja, Jesus. Para o povo de Israel que viveu como escravo e que atravessou um deserto por quarenta anos com falta de água e sem ver o fruto da terra, receber a benção do orvalho e da exuberância da terra significava:
Começar a viver um tempo jamais vivido;
Um tempo de fartura;
Uma prosperidade que eles não conheciam.

Receber a Benção da soberania de Jesus significa:
Mudança de sorte (muda a história);
Ter herança na terra (prosperidade);

Mas para que isso seja real, é preciso:
Reconhecer o erro e mudar de atitude;
Praticar a lei e não reter aquilo que não nos pertence – ser fiel;
Voltarmos para o Senhor;
Consagrar nossos dízimos e ofertas;

Assim:
Nosso trabalho não será em vão. Dos céus virá o favor e a condição de desfrutar;
Teremos oportunidades e sabedorias para acessar tesouros escondidos para os ímpios;
Haverá abundância e excelência, teremos o melhor sem escassez.

Façamos uma aliança com o Senhor, sejamos fiéis e agradecidos, sejamos ainda, ofertantes e dizimistas no altar do Senhor.

PATRÍCIA MAGALHÃES

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

8º Dia da Campanha dos Doze dias para Doze meses de Bençãos


Tema: REALIZAÇÃO

Texto base: Rom. 4:16-17
Irmã Marli e Irmão Edu

     Neste 8º dia da campanha, irmão Edu ministrou a igreja a respeito de Realizações. É impossível falar de Realização sem falar de sonhos e projetos.  No entanto, para se tornar realizado é necessário FÉ.
     Porém, muitos sonhos dos quais temos, pela demora ou pela nossa falta de paciência para esperar o tempo de Deus, ou ainda por tentearmos alcança-los com nossas próprias mãos deixamos nossos sonhos no “quarto do esquecimento”.
     Mas Jesus nos ensina através de algumas características Suas, como devemos proceder para sermos realizados:
·         Visão ampla;
·         Ser estrategista;
·         Não perder o foco;
·         Trabalho.
     Quando objetivamos algo, é necessário, não desistir, mas persistir e sonhar grande, pois o nosso Deus é grande.
PATRÍCIA MAGALHÃES





quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

7º Dia da Campanha dos Doze dias para Doze meses

Tema: COISAS NOVAS

Texto base: I JOÃO 2:27
Irmão Silvio


     Nesta quarta, 7, irmão Silvio ministrou sobre a necessidade de nos renovarmos, de fazermos coisas novas para que Deus possa agir. É o Espírito Santo que nos ensina todas as coisas. Não há necessidade que ninguém nos ensine nada, pois Ele (o Espírito Santo) é a única verdade da qual devemos nos firmar.
     Jesus tinha a unção da inovação, pois, foi Ele quem curou no sábado, Quem conversou com a mulher samaritana...
Nós também devemos buscar coisas novas, novas perspectivas, novas óticas. Orar pelas pessoas das quais convivemos, pelos nossos parentes, por aqueles que precisam.
     Outras formas de fazermos coisas novas é seguir as instruções abaixo:
·         Ser ousado;
·         Ser inovador/criativo;
·         Não se entregar ao sentimento coletivo;
·         Renovar a mente;
·         Ser inconformado com o “odre velho”.

PATRÍCIA MAGALHÃES

terça-feira, 6 de janeiro de 2015

6º Dia da Campanha

Texto base: Gên. 26:1-6 e 12-14

Tema: “Colhendo em Tempo de Crise”

     Nesta terça, 6, o ministrante, Evangelista Marcos falou sobre a possibilidade de colhermos em tempo de crises. O texto bíblico narrado relata um período de crise, do qual Isaque, sua família e todo o povo de seu país enfrentavam a fome. Então, ele quis, juntamente com sua família, sair daquele local e seguir para o Egito, no entanto o Senhor pediu que ele não fosse ao Egito, mas fosse para onde Ele mostrasse.
     Deus fala em meio às crises. Sempre enfrentaremos crises, no entanto, devemos ter maturidade para enfrenta-las e assim, ter êxito. Muitas vezes queremos fugir para uma “terra melhor”, mas se Deus ordenar que fique e enfrente a crise, devemos obedecer e sermos vitoriosos, assim como Isaque, que em meio a crise conseguiu semear e colher.
Para colhermos em abundância são necessários três passos:
·         Prepararmos a terra e Semear onde Deus ordenar, ou seja, semear segunda a estratégia que Deus dá;
·         Contarmos com as Bênçãos de Deus em qualquer ação, empreendimento ou ministério que iremos realizar;
·         Devemos sempre perseverar e lembrar-se das promessas do Senhor.

PATRÍCIA MAGALHÃES






segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

5º Dia da Campanha dos doze dias

Tema: LIBERAÇÕES

Texto base: Esdras 7:9-13

Neste quinto dia de Campanha, Evª Elifelete ministrou sobre o propósito que Deus tem de liberar sobre seu povo muitas bênçãos, no entanto, é preciso permanecer firme para recebe-las.
Esdras era um homem que dava bom testemunho e devido a isso, o rei Artaxerxes o deu uma carta de liberação, juntamente com os descendentes de Israel, para que pudessem voltar à Jerusalém.
Esdras não se deixava contaminar com idolatrias, sempre se preservava a Deus, e devido a isso, ele foi abençoado.
Conosco também é assim. As liberações de Deus para nossa vida virão segundo nosso comprometimento com as coisas de Deus. Não devemos desprezar a misericórdia e perdão divino, pelo contrário, devemos sempre estar prontos a perdoar e a pedir perdão.
Esdras foi exilado à Babilônia junto com os israelitas, no entanto, jamais se desviou dos caminhos do Senhor. Nós em comparação, muitas vezes, por passarmos por alguma dificuldade, ou haver a necessidade de passarmos pelo deserto ou cativeiro como tratamento do Senhor, não aceitamos e desviamos dos propósitos de Deus, e assim, impedimos a nós mesmos de recebermos as benções do Pai.
Em 2015, muitas bênçãos estão a nossa espera:
·         Saúde física e principalmente espiritual;
·         Liberação de recursos tantos espirituais quanto financeiros;
·         Vitórias em lutas antigas;
·         Liberação de auxílio (ajuda extra);
·         Restituição de valores roubados;
·         Restituição de valores financeiros;
·         Liberação de Autoridade.
Basta que não desviemos dos caminhos de Senhor.
PATRÍCIA MAGALHÃES


domingo, 4 de janeiro de 2015

4º Dia da Campanha de doze dias de Oração para doze meses de Bênçãos.

Tema: “LIVRAMENTO”

Texto base: Êx. 16:1-4
Irmã Marli orando pelo ministrante da noite Evº Arnaldo



Quantas vezes neste ano de 2014 recebemos o livramento do Senhor? Foram tantas vezes que nem nos lembramos. Cura, Restauração, Salvação... A todo o instante Deus tem se manifestado, no entanto, muitas vezes não discernirmos a ação de Deus nas nossas vidas.
Mas quando acontece algo que não nos agrada, começamos a murmurar.
Congregação Metodista Central
Deus muitas vezes nos prova, como fez com o povo no deserto. Quando eles começaram a murmurar devido à fome, Deus enviou do céu o alimento diário. Essa foi uma forma na qual Deus trabalhou para que o povo se voltasse diariamente para o céu, pois a porção da qual o povo recebia era apenas a quantia necessária para o dia.
Conosco também é assim, Deus deseja que tenhamos nosso momento diário com Ele, e Ele nos dará nossa porção diária. Deus conhece nosso coração e sabe nossas necessidades.


PATRÍCIA MAGALHÃES

sábado, 3 de janeiro de 2015

3º Dia da Campanha

Tema: HUMILDADE

Texto base: II Reis 5:13-16


Nesta noite, irmão Valdir Calixto ministrou sobre a humildade. Para isso, o irmão dissertou sobre a vida de Naamã, comandante do exército do Rei da Síria, no qual era leproso, e para ser curado, teve que se humilhar. Naamã era muito orgulhoso, e o terrível sentimento, o impedia de receber de Deus.
Conosco também é assim, muitas vezes, não temos coragem de nos ajoelhar diante de Deus nem para pedir perdão.
Mas o que é ser humilde. Humildade é algo que nossos irmãos, Deus precisa enxergar em nós.

Muitas vezes, queremos receber um milagre, mas para que o recebamos, é preciso nos prostrar diante de Deus.
PATRÍCIA MAGALHÃES

sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

2º dia da Campanha de Doze dias de Oração para doze meses de Bênçãos.

“A Cura da Mente” 

Texto chave: I Cor. 2:12-16

No segundo dia da Campanha, irmã Marli conduziu o momento de oração e fez uma reflexão a partir das palavras de Paulo. Muitas vezes, o que mais nos atrapalha a vencer, a conquistar aquilo que Deus já nos deus, é a nossa mente, que nos limita.
Deus já nos deu todas as coisas gratuitamente, pois em Cristo somos mais que vencedores. A nossa mente é a de Cristo, no entanto, pelo fato de estar doente, ferida, nos esquecemos de que ela é de Cristo.
Quando deixamos nossa mente ser usada por Deus, podemos todas as coisas. Não importa as dificuldades, pois o choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã.
Outra coisa que acontece quando deixamos a mente de Cristo viva dentro de nós, receberemos poder e seremos testemunhas de Cristo, em tudo, nas atitudes, nos falar, no testemunho.

 PATRÍCIA MAGALHÃES

Postagens populares